Chuva de golos em show de Bakkali



O Grupo C do Campeonato do Mundo de Futsal 2021 arrancou esta segunda-feira, com a partida que opôs o campeão africano ao campeão da Oceânia. Como seria de esperar, os marroquinos superiorizaram-se e lideram, à condição, o grupo de Portugal. Bakkali deu show e é, claramente, o MVP desta partida – ou não estivéssemos nós em território de Basquetebol.

Na Zalgiris Arena, em Kaunas, Marrocos e Ilhas Salomão abriram o Grupo C da competição, numa partida que contou com a arbitragem do uruguaio Daniel Rodriguez e do chileno Cristián Espíndola.

A cumprir a sua segunda participação em Mundiais, os africanos entraram melhor na partida e adiantaram-se no marcador logo no segundo minuto. Numa excelente triangulação ofensiva, Bakkali serviu Elmesrar que, na cara do golo, não desperdiçou. No minuto seguinte, a formação de Hicham Dguig voltou a faturar, desta feita por Achraf Saoud que apareceu sozinho ao segundo poste a dar o melhor seguimento a um passe de Bakkali.

Os vencedores da última Taça das Nações Africanas continuaram por cima no marcador e, volvidos 18 minutos, Raïs El Fenni rematou do meio da rua e bateu o guarda-redes Anthony Talo que ficou muito mal na fotografia, ao deixar passar a bola por entre as mãos. Até ao intervalo a supremacia marroquina continuou e o resultado não viria a alterar-se. 3-0 no marcador e o domínio a evidenciar-se nas estatísticas: 62-38 posse de bola, 20-12 em remates, 11-2 em remates à baliza e 5-0 em cantos.

Na segunda parte a tendência manteve-se e, aos 28 minutos, Marrocos fez o 4-0. Elmesrar descobriu Bakkali à entrada da área e, após rotação do corpo, o jogador do ACCS rematou em força para o fundo das redes. Aos 31’, Boumezou recebeu na esquerda, galgou uns metros e atirou de bica para o 5-0. Quatro minutos depois, Bourite combinou com El Fenni e aumentou o resultado para 6-0.

Até final, o resultado não se voltou a alterar e Marrocos entrou a vencer, por números expressivos, esta sua terceira participação em Mundiais. Já as Ilhas Salomão, que somam na Lituânia a sua quarta participação, estão na última posição do grupo e defrontam Portugal na segunda jornada.


Imagem: Getty Images


Vídeos
Jorge Braz quer Portugal focado em si mesmo frente à Tailândia
Ricardinho: "Os favoritos são sempre os mesmos. Vamos tentar intrometer-nos nesse lote"
Jorge Braz "É muito difícil e vai ser cada vez mais mas gostamos de coisas difíceis e é para a final que apontamos"
Nuno Dias analisa Sporting CP no arranque da temporada 2021/2022
Pulpis analisa SL Benfica no arranque da temporada 2021/2022
Jorge Braz anuncia convocados para o Mundial da Lituânia
Cascavel faz 3 golos em inferioridade numérica.
Jorge Braz analisa grupo de Portugal no Mundial 2021
Sorteio do Mundial da Lituânia
Entrevista de João Miguel ao Canal 11
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial Politica Privacidade