Vitória de Viña Albali Valdepeñas sobre Córdoba Património em festival de golos (7-4)



Os Valdepeñeros conquistaram os três pontos importantes num duelo no qual golpearam os cordoveses num festival de golos. Um bis de Catela, Matheus Preá e os golos de Nano, Dani Santos e Chino levaram o La Mancha à vitória. A equipa do Códoba mostrou orgulho até ao fim e compensou o resultado com golos de Joaqui, Boyos e um bis de Saura.

A equipa comandada por David Ramos foi a primeira a aproximar-se da baliza rival com um remate de Cainan que passou longe da baliza do Córdoba. Após dois minutos de jogo, o próprio Cainan voltou a tentar a sorte com um remate que levou à primeira grande intervenção de Prieto, que evitou o primeiro golo dos locais. A resposta dos andaluzes veio na jogada seguinte com um remate de Jesús Rodríguez que Edu parou. Os Valdepeñeros aproximaram-se da área rival com maior perigo e Chino esteve perto de abrir o marcador, mas o guarda-redes do Blanquiverde negou-lhe o golo.
Depois dos minutos inicias mais perigosos dos locais o Córdoba Patrimonio construiu um par de peças nas quais gerou perigo para os azulones. Primeiro com um tiro de Koseky e depois com um lançamento de Shimizu. No entanto, foi Viña Albali Valdepeñas quem abriu as portas com um golo de Catela aos nove minutos. Na ação ofensiva seguinte, os de La Mancha conseguiram aumentar o placar para 2-0 graças a Matheus Preá numa rápida transição. Aos 15 minutos do primeiro tempo, Josan González introduziu o 5x4 em campo e, três minutos depois, Nano aproveitou para ampliar a vantagem para 3-0 antes de seguir para o intervalo.

Na retomada, a equipa vinhateira saiu com a mesma intensidade do primeiro tempo e Matheus Preá fez o quarto golo. A equipa de Josan González tentou recuperar desde o início do segundo tempo, mas, aos 27 minutos, Catela condenaria a partida com o 5-0 após grande jogada ofensiva dos locais. Um minuto depois, Nano acertou o travessão. Chino esteve perto de marcar o sexto golo aos 30 minutos, mas o seu remate foi desviado pelo poste.
Aos 32 minutos, Dani Santos marcou a meia dúzia para os La Mancha. Na jogada seguinte, Joaqui conseguiu fazer o primeiro golo para os Blanquiverdes após um belo remate. Apesar da desvantagem, Josan González apresentou Saura no 5x4 para tentar diminuir a distância no placard. Chino marcou o sétimo na baliza dezerta. Um minuto depois, Saura transformou o segundo golo dos Blanquiverdes e, aos 38 minutos, Boyos fez o mesmo de 10 metros, completando o resultado com 7-3. Aos 39 minutos, os cordobenses tiveram outra chance nos 10 metros e Saura marcou o bis pessoal, materializando o 7-4 final.

Vídeos
Sangue do Mar - Reportagem do Canal 11 sobre o Caxinas
Os melhores golos da Jornada 17 da Liga Placard de Futsal
Júnior em entrevista para o Canal 11 da FPF
Carlinhos e Lúcio em entrevista para o Canal 11 da FPF
Mafalda Ferreira marcou o primeiro golo da história da 2ª Divisão Nacional
Os melhores golos da jornada 16 da Liga Placard Futsal
Os melhores golos da Jornada 15 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 13 da Liga Placard Futsal
Fins de semana de 12-13 e 19-20 de dezembro com proibição de circulação na via pública a partir das 13h
Os Melhores golos da Jornada 12
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial Politica Privacidade