Marc Tolrà: "Mais do que um adepto, o Benfica ganha agora mais um amigo"



Na hora da despedida, Marc Tolrà, futsalista recentemente campeão pelo Benfica, fez uma retrospetiva da época de águia ao peito. O Clube, toda a estrutura e os adeptos ficam para sempre no coração do catalão.
“Cumprimos o objetivo e ajudámos o Benfica nesta Reconquista, que era ganhar o Campeonato Nacional. Fizemos a nossa parte, tal como também fiz a minha parte em termos individuais. Não pude jogar no último jogo devido a lesão. A equipa médica fez o possível para eu jogar, mas não dava para estar a 100%. Deu tudo certo, parabéns a todos. A sensação é boa por um lado, mas triste por outro. É uma das épocas mais felizes da minha carreira, porque saí de uma situação difícil e vim para um clube muito grande. Cumprimos os objetivos e tenho de dar valor a isso. Esta época e todas as pessoas vão ficar no meu coração”, admitiu à BTV.

A final do play-off foi discutida com o Sporting até ao último segundo. A rivalidade entre os dois emblemas de Lisboa é ímpar e o fixo espanhol lembrou isso mesmo.

“A rivalidade com o Sporting é enorme. Só quem vive em Portugal ou quem é português é que sabe como é. No primeiro troféu [Taça da Liga] não tivemos essa rivalidade na final porque o Sporting ficou na primeira fase; no segundo troféu [Taça de Portugal] não conseguimos nas grandes penalidades. Fiquei triste, porque acreditei sempre; no final, ganhámos o título mais importante”, considerou.

A respeito do momento mais especial vivido em 2018/19, Tolrà escolheu… dois.
“Há um momento muito importante, para mim, que foi quando começaram os contactos com o Benfica. Aí, percebi que íamos caminhar lado a lado. O momento mais especial é a conquista do título. Os Benfiquistas já queriam isto há muito tempo e foi também o meu primeiro título”, lembrou.

Chegou como Marc Tolrà, sai como mais um Benfiquista e uma pessoa que será sempre um amigo do Clube.
“Mais do que um adepto, o Benfica ganha agora mais um amigo. Estive aqui, sei como funciona o Clube, o esforço que todos da estrutura fazem. É para sempre”, referiu.
“Quero dizer a todos: adeptos todos os clubes têm, mas os Benfiquistas, até na rivalidade com o Sporting e FC Porto, fazem muita diferença com toda a raça que têm. Quando jogamos na Luz há sempre muitas pessoas a apoiar. Aguentámos tudo com a ajuda dos adeptos, e o título é de todos”, sublinhou Tolrà em rasgados elogios à massa adepta das águias.

Tolrà ruma agpra ao El Pozo de Múrcia, continuando a sua carreira na LNFS.

Vídeos
VIDEO | Fer Drasler confirmado como reforço do SL Benfica
Resumo | Portugal 4-0 Noruega
Reações de José Luís Mendes ao empate com a República Checa - Sub-21
Reação de Jorge Braz ao triunfo (4-1) diante da Noruega
José Luís Mendes antevê partidas dos Sub21
Bruno Coelho: "a seleção é um espaço diferente"
Treino conjunto antes de jogos de preparação
Deo pede desculpa pela atitude no jogo 4
André Crud é o novo treinador do Rio Ave
Resumo | Final - Jogo 1 | Sporting CP 6-1 SL Benfica
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial