Balanço da 8º Jornada da Liga SPortZone por Luís Estrela



Burinhosa 3-2 Rio Ave 
Jogo de capital importância para ambos os conjuntos onde a equipa da casa acabou por superar o seu adversário num jogo muito equilibrado. A equipa do Rio Ave pareceu sempre mais confortável no jogo pois conseguia com rápidas transições ofensivas, muito bem executadas e capitalizou algumas vezes esse momento do jogo. Nota para a opção de jogo direto para o seu Pivot, que lhe permitia saltar linhas, não perder bolas no seu meio campo defensivo e retirar ao seu adversário capacidades nesse momento do jogo em que é muito forte. A equipa da Burinhosa nunca desistiu, contou com um inspirado Matheus Kogikoski e alcançou uma vitória muito sofrida, mas muito saborosa para os seus objetivos definidos de época.

Sport Lisboa e Benfica 14-0 Pinheirense 
Jogo com um resultado muito desnivelado que premiou a exibição séria e competente dos encarnados e penalizou os erros vários em diversos pontos chaves do jogo da equipa do Pinheirense. Os jogadores de Carlos Machado arriscaram imenso no momento de construção ofensiva perto da sua baliza, a pressão alta encarnada resultou na recuperação de imensas bolas que eram logo transformadas em finalização perto de Sandro Barradas. Nos momentos estratégicos de canto dos encarnados, a defesa à zona do Pinheirense nunca definiu bem os espaços para impedir finalização e a pressão sobre a bola era demasiado ténue o que possibilitava, finalizações confortáveis perante jogadores de grande qualidade no momento do remate exterior. Falta de transição rápida defensiva no momento da perda da bola e incapacidade de travar os duelos de 1vs1 dos encarnados resultou num resultado muito desnivelado entre as duas equipas. Jogo muito competente dos jogadores de Joel Rocha e a equipa do Pinheirense para atingir os seus objetivos deve rever os comportamentos defensivos no seu modelo de jogo.

Quinta dos Lombos 5-5 Módicus 
Excelente jogo entre duas equipas que estão a realizar um excelente campeonato e que tentaram de tudo para conseguir os 3 pontos. Em termos de modelo de jogo ambos os técnicos optaram por pressionar na linha 2 mas as transições ofensivas dos comandados de Jorge Monteiro, estiveram muito eficazes e com uma velocidade de execução assinalável. O jogo desbloqueou se muitas vezes no momento da transição ofensiva pois em posse de bola ambas as equipas conseguiam ajustar os seus apoios defensivos e impedir finalizações. Nota para os livres frontais e de 10 metros que tiveram resultado prático em golo, conseguindo os seus executantes vencer com sucesso o duelo perante os Guarda-Redes adversários e para a excelente exibição do talentoso jogador Bruno Santos.  Um pouco de mais experiência na jovem equipa dos Lombos poderia manter a vantagem até final, mas o seu adversário tem muita qualidade e encontrou uma última solução em 5vs4 que lhe permitiu empatar o jogo, já muito perto do fim. Muitas vezes referenciado, verifica se que é importante os jogadores do Módicus melhorarem no momento defensivo do jogo, pois ofensivamente são das equipas mais dinâmicas da Liga Sportzone, para conseguirem ainda aumentar mais o seu rendimento desportivo. Resultado que se aceita pelo equilíbrio verificado e pelo volume de jogo de ambas as equipas. 

Eléctrico 7-8 AD Fundão
Jogo onde claramente a capacidade ofensiva de ambas a equipa superou a organização defensiva em vários momentos do jogo. Uma primeira parte muito forte da equipa do Fundão a aproveitar muito bem os espaços nas costas adversárias e a conseguir desequilibrar em vários momentos a estrutura defensiva preparada pelo Eléctrico. À imagem do seu treinador Kitó Ferreira, os jogadores do Eléctrico nunca desistiram e conseguiram efetuar uma segunda parte de grande qualidade, acabando por recuperar de uma desvantagem grande e igualar a partida perto do fim. Porém a equipa visitante recuperou a vantagem nos instantes finais e conseguiu uma saborosa vitória. Nota para o excelente espetáculo de Futsal que se assistiu e à velocidade imposta pelos seus executantes na quadra.

Futsal Azemeis 4-6 Viseu 2001
Vitória justa da equipa visitante que soube explorar muito bem as fragilidades da equipa da casa no momento das transições defensivas e conseguiu uma primeira parte de luxo, com finalizações de grande recorte técnico. Na segunda parte a equipa de Ricardo Cannavarro reagiu e foi totalmente diferente, mais intensa, dominante e quase alcançava a igualdade nos momentos finais. De destacar a exibição individual de André Galvão que na posição de Pivot tem efetuado exibições muito positivas que o poderão catapultar para uma eventual chamada à seleção nacional.

S.C.Braga 2-1 Belenenses 
Jogo com duas partes distintas entre dois conjuntos que em muitos momentos se encaixaram nos seus modelos de jogo e não criaram grandes desequilíbrios na estrutura defensiva adversária. A equipa bracarense entrou muito forte no primeiro tempo e pressionou bastante o seu adversário, traduzida essa pressão apenas numa vantagem de 1 golo ao intervalo. No segundo tempo os jovens jogadores de Alípio Matos soltaram o seu futsal e começaram a criar grande instabilidade na equipa de Paulo Tavares. Nota para o jogo de Pivot de ambas as equipas e as várias finalizações exteriores que foram consequência de jogadas bem trabalhadas por ambos os conjuntos. Resultado precioso para a equipa da casa e que penaliza a primeira parte de menor atrevimento da talentosa equipa do Restelo.

Balanço da 8º jornada efetuado por:
Luís Estrela - Licenciado em Treino Desportivo e Treinador de Futsal


Vídeos
Os melhores golos da Jornada 9 da Liga SportZone
(Resumo) Espanha 0-1 Rússia
Goleada do líder Barça Lassa sobre o Palma Futsal (8-1)
As melhores defesas da Jornada 8 da Liga SportZone
Resumo do Portugal 5-1 Espanha
Resumo do Portugal 2-1 Espanha
Os melhores golos da Jornada 8 da Liga SportZone
Primeira entrevista de José Vasconcelos como treinador do Rio Ave
Campeões europeus e vice-campeões da Ásia empatam de novo
Portugal e Japão empatam