Europeu Feminino é prioritário e Supertaças não coincidem



Realizou-se ontem na Universidade da Beira Interior um seminário de Futsal, organizado por Bruno Travassos, oferecendo aos alunos da Universidade em questão e à população daquela zona interior a possibilidade de contactarem com alguns dos nomes mais conhecidos do futsal nacional.

O Cartaz contava com Jorge Braz, atual selecionador nacional que falou sobre a preparação estratégica da seleção no ultimo campeonato da europa, José Luis Mendes, o seu adjunto que teve como função explicar aos presentes como se faz atualmente a formação do jogador de futsal português para o alto rendimento, João Freitas Pinto, atualmente professor na ESDRM com vários anos de futsal onde se realçam os dois anos na frente do SL Benfica, que falou em fundamentos técnico-táticos no futsal, bem como com João Nuno, Diogo Marques e João Santos que falaram sobre as investigações que fizeram no futsal como alunos da UBI.

Houve ainda tempo para uma parte prática onde se fez ouvir o antigo selecionador nacional, com passagens entre outros pelo Sporting CP e que treina atualmente o Nikars na Letónia, Orlando Duarte, bem como o brasileiro Murilo Merlin da UNICAMP.

Falámos já em quase todos os nomes, ficando a faltar apenas um. Pedro Dias, antigo aluno daquela universidade e atualmente o diretor da FPF responsável pelo Futsal, falou sobre as estratégias para sustentar o desenvolvimento do Futsal em Portugal.

Durante a sua palestra, Pedro Dias fez questão de elogiar todas as seleções de futsal, tanto no masculino como no feminino, frisando até que temos uma das melhores seleções femininas do mundo. Verdade seja dita, esta afirmação de Pedro Dias acaba mesmo por ser defendida pelos dados históricos, visto que Portugal tem o segundo melhor histórico nos Campeonatos do Mundo, apenas superado pelo todo poderoso Brasil.

De seguida, ao mostrar o conjunto de provas em que a FPF irá participar futuramente, foi notória a presença do Campeonato Europeu de Futsal Feminino no topo da Lista, sendo assumido pelo mesmo como a prioridade da Federação Portuguesa de Futebol. Ainda assim admitiu que há várias outras provas com igual grau de importância, como o Campeonato Europeu de sub-19 ou os Jogos Olímpicos da Juventude.

Outra das novidades avançadas por Pedro Dias acabou por ser o afastamento das Supertaças Feminina e Masculina na próxima época, lamentando o facto visto que a Federação Portuguesa de Futebol tem tentado nos últimos anos, de forma a dar uma maior visibilidade à prova feminina, colocar ambas no mesmo dia, mas tal não seria possível este ano por incompatibilidade nas datas possíveis.

Esta incompatibilidade deve-se ao facto da Seleção Nacional Feminina de Portugal jogar a Main Round de Qualificação para o 1º Campeonato Europeu de Futsal Feminino entre 11 e 16 de Setembro e estando o inicio da Liga marcado para 15 desse mes, a supertaça masculina será dia 8 de Setembro, data impossível para as internacionais portuguesas, razões pela qual a supertaça feminina será jogada a 22 de Setembro.

Recorde-se que o ano passado as opiniões sobre o evento dividiram-se, com algumas pessoas a considerarem bom para o futsal feminino a maior divulgação que a prova conjunta lhes dava, mas com outros a criticarem o facto da mesma começar demasiado cedo para o contexto atual do futsal feminino, algo que fazia com que as equipas não chegassem no melhor nível à prova.


Vídeos



Nun’Álvares/IESFafe "É um clube diferente, unido e que movimenta centenas de pessoas.”
Bastidores da Final 8 da Taça de Portugal | “No coração do futsal”
Meia-Final | Super Liga Russa | 15:00h | Tyumen - Sibiryak
Meia-Final | Super Liga Russa | 14:30h | Gazprom-Yugra - Sinara
Os melhores golos dos Quartos de Final, Jogo 1, da Liga SportZone
Calendário das partidas do Fim de Semana
Sparta Belfast vence Taça na Irlanda do Norte
Miguel Albuquerque "O Nuno, é o rosto da liderança deste projeto"
Os melhores golos da Final Eight da Taça de Portugal
Os melhores golos da Taça de Portugal Feminina