Martim Figueira: "Estou a aprender muito"



O jovem guardião está a aproveitar ao máximo uma chamada inesperada ao estágio dos sub-18.

A Seleção Nacional de futsal sub-18 cumpriu esta quinta-feira, em Ponte de Sor, o penúltimo dia de trabalhos do primeiro estágio da nova época.

Martim Figueira, guarda-redes chamado à última hora por José Luís Mendes, confessa a emoção que sentiu ao saber que se estreava entre os eleitos para a Equipa das Quinas: "Foi uma enorme alegria. Quem me deu a notícia foi um dos responsáveis do meu clube [SL Benfica] e as primeiras pessoas a quem contei foram os meus pais. Estou a aprender muito com esta experiência e a tentar absorver tudo o que a equipa técnica nos passa", frisou.

A paixão de Martim Figueira pelo futsal tem uma raíz familiar, mas desenvolveu-se por si: "O meu pai foi treinador de futebol em clubes como o Porto Salvo, o Lourel e o Oeiras, foi por isso que comecei a jogar futebol. Aos 7 anos decidi experimentar futsal porque havia um pavilhão muito perto da minha casa e acabei por seguir esta modalidade. Não estou nada arrependido!", salientou.

Agora, a intenção da Martim Figueira é a de não mais sair do "radar" da equipa técnica nacional: "Agora vou esforçar-me ao máximo para continuar a fazer parte deste grupo de trabalho. O meu objetivo é singrar no futsal", concluiu.

O último treino da Equipa das Quinas está agendado para esta sexta-feira, pelas 11h00, no Pavilhão Municipal de Ponte de Sor.


Vídeos
Nikars vence Supertaça da Letónia
Pedro Cary perspetiva “duelos muito interessantes”
Paulo Luís e Pedro Cary fizeram a antevisão da partida do Sporting CP frente ao Futsal Azeméis By Noxae para a Sporting TV
Joel Rocha " ser fiéis àquilo que temos treinado, trabalhado e melhorar ainda dentro da nossa identidade"
Série A Futsal inicia hoje
Robinho
Taça Honra AF Lisboa | Meia Final | Leões de Porto Salvo 2-7 Sporting CP | vídeo
Sibiryak líder invicto na Rússia
Ricardinho: "Si quería ser el mejor, tenía que estar en Movistar Inter".
Antevisão da meia-final da Taça de Honra da AF Lisboa por Raúl Oliveira e Varela